E a década está acabando. Como foi pra você?

Dezembro já é um mês que nos remete a fechamento de ciclo, afinal um ano inteiro está terminando. E dezembro de 2019 vem com um plus maior, pois encerra uma década.

Quanta coisa acontece em uma década em que – como temos a tendência a ser imediatistas – nem nos damos conta. É uma jornada inteira. Um período em que muito amadurecimento e transformações acontecem em nossa vida.

Já parou pra pensar quanta coisa aconteceu na sua vida nesse período?

Meu convite hoje é para que você dedique um tempo pra anotar tudo de bom e de aprendizado que teve nessa década.
Escreva em um papel tudo que considera importante que aconteceu ou as mudanças que houveram internamente com você e reflita sobre como quer que a próxima década seja.

Vou fazer um outro post contando a minha reflexão.

Mas já sei que quero ser ainda mais realizadora na próxima década e você? O que quer ser nos próximos 10 anos? Me conte nos comentários.

Como você vê a sua vida daqui a um ano?

Tirei esse card da imagem outro dia (até postei lá nos stories do Instagram, se não me segue ainda vá lá @bloglivre_e_organizada) e a do título era uma das perguntas nele e me trouxe muitas reflexões e quero dividir aqui com você sobre essa pergunta: Como você vê a sua vida daqui a um ano?

No primeiro momento que vi pensei logo na coincidência de tirar essas perguntas justamente quando estamos entrando no mês de novembro, rumo ao final de mais um ano.

Mas depois me dei conta que essa é uma pergunta que nos impacta em qualquer época do ano, não é mesmo?
Claro que final do ano nos damos conta que não realizamos tudo que imaginávamos – ou que realizamos muito mais – e os questionamentos e reflexões aumentam assim como a vontade de dar um último gás pra alcançar aquelas metas que só dependem de um esforço extra. Mas ainda assim percebo o quanto pode ser desafiador responder essa pergunta em qualquer momento do ano.

Muitas vezes sonhamos com o que queremos mas não planejamos e com isso as coisas acabam sendo esquecidas pelo caminho, ou são engolidas por outras necessidade. E essa pergunta nos traz um misto de: coisas que já sonhei e se perderam, com coisas que ainda não temos total clareza se queremos e como queremos.
Ou ainda vira uma grande interrogação 🙊🙊

Card do box Detox Mental

E, pra mim, isso se dá pelo motivo de só pensarmos no futuro na virada do ano, ou quando surge uma pergunta dessa, em vez de ser um hábito planejar os próximos passos, e refletir sobre o que queremos da vida.

Quando cultivamos o hábito de pensar a frente e identificar quais são os nossos objetivos com frequência fica cada vez mais fácil e natural e perde o peso.

Não estou aqui dizendo que temos de viver em função das metas e nos deixar aprisionar por isso. Mas sim quero trazer a reflexão de que se for um hábito pensar em o que queremos, e principalmente, quem queremos ser para o futuro, será mais simples e mais leve se deparar com essa pergunta pelo caminho. Até pra dizer que , “no momento não sei, estou reavaliando ou repensando”.

Agora, me conta com nos comentários como é pra você pensar em como estará a sua vida daqui a um ano. Você tem planos a curto, médio e longo prazo? Sabe quem você quer ser ou só o que quer ter? Qual o peso que essa pergunta te traz?

03 anos de Blog e muita reflexão

Semana passada comemorei o aniversário de três anos do blog.
A cada ano que se completa me traz um momento de reflexão que se resume em gratidão.

E hoje quero dividir com você a minha reflexão.

Me sinto uma privilegiada por fazer algo que me faz tão feliz. Sei que muitas pessoas não conseguem falar isso dos seus trabalhos e eu sou grata por poder falar isso de verdade de tudo que faço profissionalmente.

Aqui no blog nesses três anos foram muitos textos, muitos posts, muitas dicas, muitos serviços prestados e produtos entregues – nem tantos quantos eu gostaria, é verdade rsrs. E é bem claro pra mim que 03 anos é só o início de uma caminhada que eu espero que dure muitos e muitos anos.

O blog começou a nascer em meu coração em uma fase de descobertas e redescobertas onde a vontade de fazer a diferença para as pessoas ao meu redor se tornou cada vez mais latente, até se materializar em um blog que falaria de organização pessoal e produtividade teve todo um período de amadurecimento da ideia, da vontade, do conceito e da coragem de me expor. E nem de longe eu imaginei que ao completar 03 anos ofereceria os serviços e produtos que ofereço hoje.

Na verdade, hoje acredito que ele começou a surgir há muito mais tempo quando em uma resolução de ano novo eu decidi que ía mudar a minha forma de organizar meu tempo e minhas atividades, após passar um 25/12 revisando um relatório.

Estava muito cansada e sobrecarregada, com zero de tempo pra simplesmente ficar a toa. Mesmo os momentos em família, ou com o namorado, me faziam sentir como cumprindo compromissos, ou pior, deixando de fazer algo do trabalho. E vale ressaltar que eu amava demais meu trabalho e tinha muito prazer em trabalhar infinitamente, ninguém me obrigava a trabalhar tanto, eu que queria tudo perfeito, queria dar conta de tudo e cumprir os prazos. Tinha – como tenho até hoje – um imenso prazer em ver os resultados do meu trabalho. Não sofria em trabalhar tanto, mas era óbvio que não era mais saudável pra mim.

E foi então quando comecei a aprender que posso sim me organizar e gerir meu tempo para ser feliz e estar inteira em todas as áreas da minha vida, mesmo que até hoje ainda encontre desafios para isso. E acredito que ali em 2009 eu comecei a me preparar para o Livre e Organizada mesmo sem saber que ele existiria.

O blog não era uma meta de longo prazo quando comecei – e continuei – a estudar esses assuntos, mas hoje ele é realidade na minha vida e mais do que meta de longo prazo é a minha missão.

Minha gratidão a você que me acompanha, que é ou foi meu cliente. Nesse terceiro aniversário eu deixo aqui o meu compromisso de continuar por aqui dando o meu melhor, me dedicando a aprender e a compartilhar com você os meus aprendizados e aplicar tudo isso em nossos serviços.

Um ano inteiro de possibilidades

No fundo todos sabemos que dormir em um ano e acordar em outro não faz nenhum milagre em nossa vida. Mas a verdade é que como disse Roberto Pompeu, feliz foi quem resolveu dividir o tempo em anos, pois assim renovamos nossas forças e nossa esperança de que é possível mudar e ir além.

Afinal um ano inteiro de oportunidades e possibilidades se abre diante de nós.

Um ano inteiro em branco para escrevermos nossa história, para realizarmos aqueles sonhos, para colocarmos em prática aquele algo que estamos planejando a tanto tempo, para nos organizar melhor.

Eu adoro essa energia boa de renovação e de expectativa, tudo volta a parecer possível e quantas coisas novas e inesperadas podem acontecer!

E para esse dia 1/365 de 2019 a minha pergunta pra você é: que história você vai querer contar no dia 31/12/2019?

O que espera ter realizado? Quem espera ter visto ou se aproximado? Como espera que esteja a sua organização pessoal e profissional? E a organização da sua casa?

Independente de qual seja o seu objetivo lembre-se que depende de você, tá? Depende de você começar hoje, depende de você manter a consistência, depende de você ter clareza do que é importante pra você, depende de você se organizar e planejar para executar com mais produtividade, depende de você buscar os conhecimentos ou ajuda necessários, depende de você manter a fé que é possível independente do que esteja acontecendo no momento.

E bora se organizar para ter mais tempo pro que de fato importa!!

Um grande abraço,

Gheyza Oliveira

Mais um mês de dezembro chegou

E aqui estamos em mais um mês de dezembro, o novo ano batendo na porta e 2018 dando aquele tchauzinho maroto rs.

Qual o sentimento que dezembro te traz? de felicidade por tudo que conquistou ou de frustração por não ter dado tempo de fazer tudo que desejava?

Se você está feliz ótimo e se está frustrado ótimo também, por que ainda dá tempo de ir além do lugar em que está hoje (mesmo quem está satisfeito pode ir além).
Independente de qual seja o seu sentimento, o fato é que o ano sempre terá 12 meses e criamos expectativas maiores do que damos conta de realizar e além disso deixamos sonhos serem engolidos pela rotina e “correria” do dia-a-dia. Já falamos aqui sobre a diferença entre lista de desejos e planos de ano novo, lembra?

Mesmo 2018 estando se despedindo ainda temos quase 30 dias pela frente para dar um gás naquele objetivo, naquela meta, para alcançar ou ao menos dar início a alguma etapa para a realização.

Meu convite hoje é para você parar tudo e tirar 30 minutos (só 30 mesmo!) para avaliar seus planos para 2018 e ver o que ainda dá para realizar esse mês e partir pra ação.

Sem desculpas ou argumentos de que não dá mais, que isso ou aquilo, simplesmente escreva aí o que você pode fazer nessas semanas para cada meta/desejo que ainda está pendente e escolha uma ou duas ações possíveis para fazer antes de 30 de dezembro. Pode ser começar aquele curso que tanto quer, começar a ler aquele livro, iniciar uma nova atividade, começar a pesquisar para aquela viagem, o que for.

Te garanto que você vai terminar 2018 com muito mais ânimo e já vai começar 2019 no ritmo para realizar todos os seus objetivos. Ah! 2019 é assunto pra ooooutro post 😉.

Aproveita e me conta nos comentários como foi 2018 pra você. Conseguiu se organizar e realizar mais ou está no processo?