Priorizar é saber dizer não 

Algumas pessoas acham que foco significa dizer sim para a coisa em que você irá focar. Mas não é nada disso. Significa dizer não às centenas de outras boas idéias que existem. Você precisa selecionar cuidadosamente.” Steve Jobs 

Dar prioridade é colocar em primeiro lugar, e quando colocamos algo como prioridade estamos automaticamente colocando outros em outras posições. 

Porém,  as pessoas pensam que só dizer que um projeto é prioridade basta para fazê-lo acontecer. Quando na verdade esse é só o primeiro passo. 

Como sempre falo, a consciência e a clareza do motivo que faz com que algo seja definido como prioridade é fundamental para que saiba por que ele é muito importante e justifica dizer não a outros “algos”.

Com essa clareza você saberá para onde está indo e principalmente,  por que está indo. 

Então,  para que algo seja de fato prioridade, você terá de começar a dizer não para tudo que surgirá te afastando de sua prioridade. Será o momento de dizer não para aquele evento social que durará a noite toda e prejudicará seu rendimento no dia seguinte, será o momento de dizer não para aquele serviço extra que te oferecerão,  será o momento de dizer não ao tempo maior com a família,  será o momento de não começar novos projetos, será o momento de dizer não as redes sociais, será o momento de dizer não a noitadas com amigos por que quer se dedicar ao novo relacionamento. E muito outros nãos que só você sabe o que será.  

Por isso é tão importante a clareza do objetivo, pois sabendo exatamente para onde está indo, saberá que esses nãos são temporários,  e que o que eles resultarão valem a pena. 

E isso vale para os grandes planos e projetos, e vale também para as ações do dia-a-dia, afinal essas ações estão ligadas aos seus objetivos e sonhos, não é mesmo? 

Se colocou a elaboração de um relatório como a priodade do dia, diga não as demandas que virão por email e telefone até que o relatório esteja concluído. 

Por exemplo,  no momento em que comecei a escrever esse texto o coloquei como prioridade, e mesmo estando no celular disse não as notificações das redes sociais e só vou olhar depois de escrever e revisar. Pois sei porque esse texto é importante e também sei que terei tempo depois para olhar as redes. Se eu dissesse que ele é a prioridade da tarde de hoje e parasse a cada nova notificação, eu não teria dado de fato prioridade para o texto, e com isso eu levaria o triplo do tempo e correria o risco de perder a qualidade, ou até mesmo não acabar de escrever. Percebe? Uma atividade poderia não ser concluída por eu não dar de fato a prioridade necessária. 

E usei como exemplo uma atividade única, imagina os efeitos em um novo projeto que precisa de atenção e dedicação para deslanchar? E que você continua dizendo sim para todas as demandas paralelas que te levam para cada vez mais longe. 

Isso vale para todas as áreas da vida. Escolha com consciência as suas prioridades e lhes dê a prioridade necessária. E tenha clareza que como consequência será muito importante dizer não ao que te afasta dessas prioridades. 

Me conta nos comentários como faz para priorizar seus objetivos,  com certeza irá ajudar alguém que lerá esse post. 

Os sete fatores que nos impedem de tirar as ideias do papel (ou da cabeça) 

Ao longo do livro Equilíbrio e Resultado Christian Barbosa fala sobre tudo que nos impede, ou nos incentiva, a ter uma vida equilibrada com resultados em todas as áreas da vida. 

E dedica uma parte para explicar por que nossas idéias não saem do papel, o que me chamou muito a atenção e por isso quis dividir com vocês neste post. Ele destaca que a questão está em quando procrastinamos de forma crônica, com as coisas que não podem ser adiadas.

No livro Christian apresenta, como resultado de uma pesquisa, os sete fatores que nos levam à procrastinação e a adiar a realização dos nossos objetivos e sonhos. Vamos conhecê-los um pouquinho?

1 – Falta de Tempo

A desculpa mor dos tempos modernos, rsrs. Christian afirma que em muitos casos o problema é o uso inadequado do tempo com coisas desnecessárias, sem importância ou que não ajudam suas idéias a sair do lugar. 

E eu sempre cito as redes sociais como uma das grandes vilãs, né?  Uma olhadinha rápida pode durar uma, duas horas, tempo que vale ouro.  

Quando nos focamos – tirando as atividades que não acrescentam – e priorizamos o que é importante encontramos o tempo necessário. 

2. Cérebro não treinado

Nesse fator ele traz uma informação preciosa, na minha percepção.  Ele diz que a procrastinação tem um lado fisiológico,  pois ela está ligada a impulsividade, ao fato de escolher algo em vez de outro (normalmente algo mais “legal” naquele momento). O que chamou me atenção, pois normalmente achamos que a procrastinação está ligada a falta de ação, não é mesmo?

Segundo ele, quando se tem baixa ativação ou algum dano no córtex pré-frontal, pode aumentar seu nível de procrastinação, perda de atenção e desorganização. 

Aí entra a importância do cérebro treinado, pois é possível treinar para ter uma atitude mental que evite as distrações e te mantenha focado no que precisa ser feito. 

3. Falta de Energia 

“Energia é o combustível da vida, aquilo que lhe dá a disposição necessária para enfrentar os desafios e as experiências que a vida reserva para você.” Assim Christian define a energia.

Ele diz que ela é gerada por fatores físicos, mentais, emocionais e espirituais que quando negligenciados acabam por drenar a energia.E sem ela fica muito difícil realizar as tarefas que se propôs a fazer. 

Então,  qualidade do sono, alimentação,  fé, saúde,  qualidade dos relacionamentos e outros são essenciais para alimentar e manter a nossa energia. 

4. Medos

Todos temos medo, é natural. O problema, segundo Christian, é que para muitos o medo se torna um paralisador em vez de um propulsor de planejamento e preparação.

Ele diz que o medo tem três caminhos na procrastinação: o medo do fracasso, o medo do desconhecido e o medo do sucesso (sim! acredite, podemos ter medo da sobrecarga que o sucesso trará).

Se conhecer esses medos e conseguir identificar quando um deles está te travando pode ser a diferença entre realizar ou procrastinar.

5. Falta de relevância 

Christian diz que quando não temos clareza da importância do que vamos realizar não temos motivação pra fazer. 

Sabe aquele relatório que você sabe que não vai servir pra nada e você enrola pra fazer até seu chefe cobrar?  Então, usamos o mesmo critério pra tudo, se não sabe se é importante ou por que é importante ver o Facebook ou assistir um seriado vira prioridade. 

Busque e se conecte com o porquê mais profundo dos seus objetivos e lembre-se dele nos momentos que a distração surgir.

6. Autossabotagem

Somos nossos maiores incentivadores e desmotivadores.  Quando as pessoas não acreditam em si mesmas Christian diz que elas assumem um papel de vítima ou de sem sorte e acabam inconscientemente se colocando pra baixo e com isso não executam o que precisa.

“Será que você não está se autossabotando sem perceber? Será que não está deixando os pensamentos sabotadores destruírem toda a sua vontade de executar?” O que você responderia hoje às perguntas do Christian?  

7. Preguiça 

Não é a toa que ela é um pecado capital, rsrsrs

Christian afirma que a preguiça é natural do ser humano,  o problema está quando se torna crônico e o faz procrastinar. “A preguiça mina sua vontade, sua capacidade de agir, instiga seus medos, sua autossabotagem, consome sua energia, seu tempo e ainda abarrota seu cérebro com um monte de interrupções.” 

Ou seja, ela une ou promulga todos os outros fatores  e por isso precisa ser vigiada de perto. 

Christian explica que entender os fatores que impedem suas ideias de saírem do papel – ou da cabeça – é muito importante para conseguir manter a procrastinação sob controle. “Pense nos fatores que afetam a execução de sua ideia, faça uma autoanálise sobre como eles se manifestam no momento em que você procrastina e questione-se sobre o que pode fazer para mudar esse padrão.”  

E eu te convido a fazer uma reflexão e anotar em um papel quais desses fatores estão te impedindo de alcançar suas metas e ter a vida extraordinária que merece ter. E então anotar em um papel que estratégias pode adotar a partir de agora para diminuir a influência desses fatores na sua vida. 

Me conta nos comentários como foi. 

Quadro dos Sonhos (Dream Board) – o que é e como usar 

O quadro dos sonhos – também chamado de dream board ou vision board – é uma ferramenta poderosa na organização e planejamento de objetivos de curto, médio e longo prazo. Pois está vinculado a visualização que é um recurso poderoso para o alcance de metas.  Quanto mais você se vê tendo alcançado seu objetivo, sentindo os sentimentos dessa conquista mais envia estímulos ao seu subconsciente de que essa é a sua realidade e ele se move nessa direção. 

Fonte: Pinterest

Ele consiste em você colocar em um quadro, de qualquer material ou tamanho – podendo ser até impresso em um papel grande – imagens e símbolos que representem os seus objetivos de curto, médio e longo prazo.  Usa-se imagens, palavras, símbolos, deixe a criatividade fluir na hora de montar, pode usar recorte de revistas, imagens impressas,  letras separadas,  enfim, tudo que te remeta a sua meta assim que o olhar. Ele concentra representações dos seus sonhos e de quem você quer ser em um futuro breve.  

O intuito é que sempre que bata os olhos se lembre – sem precisar pensar ou parar e pensar o que aquela imagem quer dizer – que todo o quadro te desperte sentimentos positivos, esperança e motivação.  Lembra da história do “uma imagem fala mais que mil palavras”?  Aqui ela se aplica na prática. 

Fonte:Pinterest 

Escolha poucos itens, mas itens que desperte emoções positivas fortes em você. Escolha os mais importantes ou os mais relevantes e desfiadores para serem representados, escolha objetivos que vão além de bens materiais também. E tenha cautela pois se poluir demais o quadro ele irá te confundir mais que motivar (lembra que tem de bater o olho e já sentir?). 

Mantenha seu quadro em um local de fácil visualização,  de preferência no quarto onde possa ver antes de dormir e ao acordar. Olhe para ele nesses dois momentos do dia e se conecte com os sentimentos,  se veja vivendo uma vida em que esses objetivos foram alcançados e esteja aberto para os sentimentos que provocam e as ideias que surgem para realizá-los. Tire um minuto todo dia para esse exercício,  ele te ajudará muito a manter o foco. 

Fonte: Pinterest

Eu sugiro também que tenha uma foto desse quadro na sua agenda ou no celular para que tenha sempre a mão quando precisar de um “gás” a mais ou precisar se lembrar do por quê está fazendo o que está fazendo.  

E você?  Já usou o quadro dos sonhos? Como foi?  Como fez? Me conta nos comentários. 

Hoje tem novidade para quem quer ser mais produtivo \0/ – Chegou o My Life  Planner Livre e Organizada!!  

​Meu objetivo aqui no blog é sempre compartilhar com vocês o que aprendo,
experimento e gosto e, principalmente, o que acredito que vai fazer com que você tenha mais produtividade, e com isso mais tempo de qualidade para fazer o que gosta. 

Por isso trago hoje pra vocês uma novidade que me deixa muito feliz. Desenvolvi um planner exclusivo e especial para você que me acompanha aqui e na vida. 


É o My Life Planner Livre e Organizada!  ❤ ❤

Https://goo.gl/dVvQWw

Ele foi pensado e desenvolvido para ser o seu aliado na organização do dia-a-dia.  Unindo a agenda semanal a vários outros itens
que te permite concentrar em um único lugar as principais informações
importantes para você. Assim terá um acesso fácil e conseguirá gerenciar de forma mais efetiva as diferentes áreas da sua vida. Das anotações aos compromissos, passando pelas metas e datas importantes,  e muito mais. 

Versão cinza

Escolhi itens que abrangem as diferentes áreas da nossa vida, de modo que você tenha opções para escolher entre usar todos ou alguns, de acordo com o seu perfil e prioridades. E sinta – se a vontade para sugerir outros. 

O My Life Planner Livre e Organizada é um planner permanente, você pode começar a hora que quiser e usar por muito tempo, ultrapassando a fronteira de término e início de ano. Você coloca as datas conforme vai usando.

A ideia é que ele se adeque a sua rotina e você tenha a flexibilidade de começar em
qualquer época do ano além de poder ir imprimindo as páginas conforme as suas
necessidades. 

Com opção de tamanhos em A4 para quem não quer ter trabalho cortando, e em A5  para
quem prefere um tamanho menor – em tons de azul ou cinza – ele é composto por:

  • Planejamento Mensal
  • Planejamento Semanal 
  • Anotações – duas opções 
  • To do List
  • Controle de Finanças detalhado 
  • Controle de Finanças mensais 
  • Objetivos para o mês 
  • Metas
  • Aniversários e datas importantes
  • Logins e Senhas
  • Calendário 2017 e 2018
  • 3 opções de Capas 
  • 3 opções de Divisórias 

Posso garantir que se usar o My Life Planner você irá dar um salto na sua organização pessoal, pois ele concentrará as informações que são importantes e relevantes para o seu dia-a-dia e sua vida. E para ter resultados
em gestão de tempo você precisa ter consciência de onde está indo o seu tempo e
que resultados está obtendo, lembra?

Agora é com você!  Quer se organizar? Então comece a usar o seu hoje!

Https://goo.gl/dVvQWw

Capas A5 colorido

Use, usufrua, experimente novos usos,  se aproprie e faça dele o seu grande aliado.

Adquira AQUI ou acesse a página Planner aqui no blog. 

Já adianto que se optar por depósito em conta, aqui pelo blog, tem 5% de desconto 😉. Nesse caso preencha o formulário na página Planner com seus dados que te responderei com os dados bancários. Após o pagamento é só me responder de volta com o comprovante de depósito e informar o modelo escolhido.


Ah! Vale lembrar que esse é um produto autoral e está sob a licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License e sua aquisição não dá o direito a nenhum tipo de comercialização posterior, combinado? 

Quero muito saber a sua opinião. Me conta nos comentários o que achou, como está
sendo usar. Deixe sua dúvida, crítica ou sugestão também. 

Minha escolha de planner para 2017

O Livre e Organizada surgiu do meu desejo de transmitir tudo que eu venho aprendendo nos últimos 10 anos no que se refere à organização do tempo e da vida. 

E como boa amante do papel, a agenda física sempre foi peça fundamental na minha organização. Uso agenda desde que me lembro como gente, rsrs, pelo menos desde os 11 anos, não consigo imaginar começar o ano sem uma.

Como já contei pra vocês aqui, estou sempre testando e experimentando novas ferramentas e métodos para organização e nos últimos anos testei o life planner. E como prometi hoje estou aqui para contar qual foi a minha escolha para 2017.

O planner vai além da agenda diária e agrega toda a sua organização pessoal em um único lugar. Expliquei em detalhes aqui,  lembra?Suas contas, suas senhas, seu controle de peso, tudo que você considerar importante ele pode ter, inclusive suas metas e objetivos para o ano. Não consigo mais me imaginar usando a agenda diária e mais outros cadernos.

Eu já usei o em pdf para impressão e já comprei o impresso e encadernado. Depois de experimentar os dois formatos optei pelo pdf pra imprimir.

Percebi que é o que funciona melhor para mim, pois costumo carregar na mochila alguns dias da semana e não só pro trabalho, mas também para onde vou depois. E o já impresso (estiloso e lindo🙈) ficou muito pesado, pois veio com todas as folhas e acessórios para o ano todo e mais capa dura e espiral de metal. Mesmo já imprimindo as folhas dos meses, tive condição de escolher materiais mais leves e não imprimir as folhas que já sei que não vou usar.

O planner para imprimir te permite acrescentar e retirar as folhas de acordo com o passar do ano ou as necessidades. Se você for “jeitosa(o)”, como eu,  pode encadernar, em uma xerox ou gráfica, e quando precisar tira o espiral para fazer as alterações,  se não for pode optar por aquelas argolas usadas para scrapbook ou um fichário, que você pode comprar um básico e customizar a capa para ficar com a sua cara ou ainda uma daquelas pastas de dois furos de escritório e usar contact para cobrir e deixar lindo (tem estampas masculinas também,  vai rsrs).

No primeiro ano eu usei um fichário, pois por ser a primeira vez não tinha ideia do que e quanto iria precisar, (e a desculpa de que não tem um furador de quatro furos não cola, por que eu usei um normal, de papelaria, de dois furos, é só marcar onde quer furar 😉). Já agora, optei por encadernar, pois já sei o quanto de páginas preciso e não tenho dificuldades para tirar e colocar a espiral conforme precisar.

Se você está buscando uma ferramenta de papel para se organizar mais completa o planner é a melhor opção.

E estou preparando uma novidade muito legal nessa área pra vocês.  Já já eu volto pra contar tudo.

01 ano de blog


Essa semana fiquei muito feliz ao blog completar um ano. 🎉🎉🎉

Um ano de postagens, de aprendizado,  de perceber o que era viável e o que não era, de receber feedbacks lindos que me motivam a continuar, de me dar conta que quero muito levar isso a frente, de ideias novas e ideias novas.

É um momento de muita felicidade que quero compartilhar com vocês e agradecer, afinal é graças a vocês que lêem,  comentam e curtem e compartilham nas redes que chegamos a esse primeiro ano.

Em muitos momentos fui colocada a prova em minhas próprias teorias de organização, em algumas dei com a cara na parede rsrsrs e precisei rever as minhas expectativas. Em muitas outras vezes fiquei feliz ao confirmar que o que eu escrevo aqui funciona sim e muito. 

Afinal, manter o blog junto com as minhas outras atividades é um desafio diário, prazeroso e recompensador, mas ainda assim um desafio. Por que organização e produtividade são temas que eu amo e dividir com vocês é algo que me motiva e incentiva todos os dias. Pois acredito que só com uma vida organizada temos liberdade e tempo para estar com as pessoas que amamos.

E justamente por amar muito esse tema que venho aumentando os serviços do blog para que possa ajudar você que precisa de uma solução personalizada e individualizada.  

E para comemorar esse primeiro ano e abrir o segundo estou preparando algumas novidades que logo logo virei aqui contar pra vocês.  

Mais uma vez o meu muito obrigada!!! ❤❤❤

Planejamento de ano novo é muito diferente de lista de desejos

Dezembro chega e o ímpeto de desejar coisas para o novo ano se instala.  

É um sentimento de renovação e esperança maravilhoso. Você tem certeza que tudo será diferente.  Pensar que o novo ano será muito melhor do que o que está acabando nos motiva e estimula.  E simplesmente fazemos uma lista com TUDO que desejamos para o novo ano e chamamos de “resoluções de ano novo”, que se perdem assim que carnaval acaba e o ano começa pra valer rsrsrs. 

Eu, particularmente, acho ótimo fazer listas para tudo nessa vida. E por isso não condeno a lista de desejos para o novo ano, pelo contrário acho bom você colocar no papel (físico ou virtual) tudo que deseja e almeja. Tudo mesmo,  inclusive os sonhos que parecem inalcansáveis mesmo com o otimismo de ano novo. 

Mas acho muito importante – já que meu papel aqui é trazer mensagens que te ajude a trilhar o caminho dos resultados – esclarecer pra você que isso não é planejamento. Se não há metas e prazos, não é planejamento, é lista de desejos, ok? Não me xingue, é a verdade kkkk🙈🙈

Escrever na sua lista que vai emagrecer 10 quilos sem estabelecer como fará isso, é desejo. Escrever que irá emagrecer 10 quilos até o mês x – e para isso fará uma reeducação alimentar com nutricionista e irá iniciar uma atividade física três vezes por semana – é um planejamento. Percebe a diferença?  

Tire um tempo para fazer o seu planejamento de ano novo. Extraia da sua lista de desejos os principais objetivos, aqueles que você quer muito realizar, aquele que você “precisa” que aconteça, e então faça um planejamento detalhado para eles. Torne-os metas para que você acompanhe ao longo do ano e faça as adaptações necessárias. Falamos aqui  sobre elaboração de metas, lembra? 

Quando traçamos metas ganhamos uma direção a seguir. Passamos a ter um rumo a seguir. Não que ele não vá mudar ao longo do caminho, mas como você sabe onde quer chegar os desvios não te fazem desistir, são só adaptação da rota.

Faça um planejamento para 2017, defina quem você quer ser e o que quer realizar no novo ano! 

E faça com que seja um ano realmente produtivo e repleto de resultados. 

Obs.: Desenhei um projeto específico para esse fim e início de anos em que quero te ajudar a fazer esse planejamento. Vamos juntos criar metas, prazos, estratégias e recompensas para que esses sonhos se tornem realidade em 2017. Me mande um email para ter mais informações.