Faça do smartphone seu aliado

Tempos modernos, velocidade moderna, necessidades modernas, armadilhas modernas.

Na vida, cada vez mais corrida que temos, o smartphone surgiu como A salvação. A possibilidade de estar informada e acessível em qualquer hora ou lugar parecia a solução para os grandes engarrafamentos e excesso de compromissos que consomem nosso tempo. Só que o grande milagre veio com armadilhas embutidas.

Eu, de verdade, acredito que o smartphone é uma grande ferramenta para a nossa produtividade. Desde que seja usado com sabedoria e parcimônia. Se não for bem usado, as armadilhas que ele traz escondido nos pegam e nos fazem reféns em vez de usuários.
Então, vamos focar em como mantê-lo como nosso grande aliado, ok? Use o que ele te oferece de melhor. Afinal hoje eles tem uma infinidade de aplicativos a nossa disposição para facilitar a nossa vida, é só escolher os que melhor atendem as suas necessidades.

image

E para fazer o melhor uso você precisa ter clareza de quais são as suas necessidades essenciais para uso no smartphone. Aquelas em que ele vai de fato te ajudar a ganhar tempo e agilizar atividades.

Aplicativos de agenda, de gerenciamento de tarefas, armazenamento de arquivos em nuvem, controle de finanças e anotações são os básicos e essenciais, na minha opinião.

Sim! Aplicativos de redes sociais e e-mail são secundários, dispensáveis! Ter ou não esse tipo de aplicativo vai depender da sua necessidade específica e rotina.

Ok. ok! Whats app é essencial kkkk.  Desde que você tenha clareza do uso que irá fazer e da rotina que estabelecerá, para não virar refém. Configure muito bem as notificações. Silencie de forma permanente as notificações  (é só ir lá nas configurações e  colocar silencioso ou nenhum na opção de toque para grupos e para individual) e tenha horários definidos para acessar. Quando algum grupo específico estiver demandando atenção configure um toque só para ele. – sim! isso é possível! clique no nome do grupo e lá nas informações tem uma opção de notificação personalizada 😉 – E lembre-se de desfazer essa configuração quando não for mais necessário.

Aliás, silencie notificações de todos os aplicativos de rede social e e-mail, se decidir que vai tê-los instalados. É totalmente contraproducente ficar ouvindo diferentes sons a todo momento.

Opte sempre por aplicativos que sejam fáceis de você usar. Se demandar tempo e esforço, após o período de adaptação, não é o ideal para você.
E teste aplicativos novos que podem ser úteis e otimizar seu uso do aparelho, já experimentou o Evernote? Esse é dica de ouro.  Teste e me conta o que achou.

Outra coisa importante é evitar colocar o seu número em todos os cadastros que faz, assim você diminui a possibilidade de ficar sendo interrompida por ligações e mensagens de propaganda.

E vale lembrar que o smartphone continua sendo um telefone, ok? Muitas vezes uma ligação te conecta muito mais com uma pessoa, ou cliente, do que uma mensagem ou e-mail. Se programe para ligar para as pessoas de vez em quando. Em horários normais, tá? nada de aproveitar que teve um tempinho a meia noite  para ligar para aquele amigo, combinado? kkkkkk

Use e abuse do seu aparelho para que ele seja de fato o que se propõe a ser, algo que veio para dar agilidade, mobilidade e praticidade para a sua vida. E não o contrário.

Anúncios

Agenda Compartilhada

image

Fonte: Google

Com a enxurrada de opções de gadgets que temos hoje é fundamental escolher poucos para aproveitar ao máximo as suas funcionalidades.

Sou muito fã e defensora do papel e caneta, mas nos dias atuais precisamos nos valer das facilidades que a tecnologia nos oferece para dar conta dos papéis que desempenhamos. E verdade seja dita nossa vida está no smartphone, rsrsrs.
Eu uso e muito um aplicativo no celular, a Google Agenda (ou calendar), para garantir o controle dos meus compromissos. Desde a aula do Pilates 2 vezes por semana até melhor festa de final de ano até agora (sim! Já está na minha agenda a festa de dezembro!).

Em outro post te conto a infinidade de recursos da google agenda hoje vamos nos ater a falar da 38ª maravilha moderna do mundo, rsrsrs que é a agenda compartilhada. Se você tem um gmail, você tem acesso a todos os aplicativos do Google, incluindo a agenda.

A principal vantagem é que você pode acessar pelo computador, tablet ou celular e por várias pessoas.

Como o próprio nome já diz, a ideia é que mais de uma pessoa possa acessar – e alterar – as informações cadastradas na agenda de onde quer que esteja.

Como te permite criar várias agendas, você pode definir com quem quer dividir cada uma e definir uma cor que a identifique. Pode até definir quem poderá alterar a agenda.
Assim é possível estabelecer diferentes destinos para cada agenda.
É possível ter uma agenda do filho que os pais compartilham, uma agenda daquele projeto do trabalho com pessoas de diferentes departamentos, uma agenda com as pessoas do administrativo da sua empresa, da secretária com o gestor, uma agenda do casal, e outras mil possibilidades.

Uma agenda compartilhada é uma estratégia muito efetiva para diminuir os problemas de comunicação, por que não fica na dependência da memória das pessoas envolvidas. Você pode consultar pelo celular antes de marcar um compromisso, o que já vai evitar que marque dois compromissos pro mesmo horário, tanto pra você quanto para os demais envolvidos. Afinal, #quemnunca fez altos planos pro fim de semana e depois descobriu que já tinha uma festa marcada a meses, do melhor amigo do seu marido?

Além disso, é uma ferramenta de produtividade incrível porque você consegue ter uma visão clara dos seus compromissos e com quem eles serão. Ficará mais fácil você se preparar para uma reunião daquele projeto, quando ver a cor da agenda dele entre os compromissos da semana seguinte.

É claro que criar uma agenda compartilhada não te dá o direito supremo de marcar compromissos com as pessoas, ou para as pessoas, sem consultá-las. Porém te possibilitará não marcar um almoço de domingo com a sua mãe por que já está agendado – na sua agenda de casal – um almoço de domingo com a sua sogra, ou com o casal de amigos do seu marido. E vai impedir que sua secretária diga, para um cliente importante, que você estará na empresa tal dia quando na verdade estará viajando.

É claro, que estou aqui te contando a minha experiência e a minha opinião, e como todas as opções quando se fala de aplicativos,  a agenda compartilhada precisa ser testada por você. Explore as opções que o Google Agenda te oferece, teste por uma semana para ver o que funciona pra você. Crie a sua – se ainda não usava – e mais duas compartilhadas e programe compromissos mesmo que fictícios. Combine com duas pessoas e testem para ver como se adapta com as diferentes cores que aparecerão no seu calendário, use a opção de visualizar semanal e mensal, teste os tipos de lembrete (e-mail, celular, uma semana, um dia, uma hora, etc) para ver o que e como funcionará para você. E então aplique no seu dia-a-dia.

E vamos combinar, né?  Agenda não se preenche sozinha, nem manda lembretes por pensamento, beleza? Kkk
Quando falo em usar é usar.  Cadastrar os compromissos,  olhar a agenda logo no início e no fim do dia, configurar os lembretes pra quando o compromisso exigir uma preparação e o que mais for necessário.

E você? Já usa agendas compartilhadas? Se sim, conta nos comentários para que finalidade você usa para inspirar outros amigos ;).

Um abraço,
Gheyza Oliveira