Os desafios de ficar em casa e como amenizar isso

Estamos vivendo um momento que nos deixou diante de uma realidade muito diferente da que estamos habituados. Nunca imaginamos ficar tanto tempo em casa, em casa mesmo.
Quantas vezes desejamos ficar mais tempo em casa, mas quando surgia uma brecha sempre arrumávamos um programa ou evento para ir? Quantas vezes dissemos que queria mais tempo com a família ou para cuidar da casa?

Agora, diante do isolamento social por conta da pandemia do novo Corona vírus, muitos de nós se deparou – de um dia para o outro – com a condição de ficar exclusivamente em casa, sem data pra que isso mude 😬.

E sendo uma condição que surgiu tão repentinamente e sem perspectiva de quando irá acabar, veio com inúmeros desafios, sem ter nenhum tempo de preparo/planejamento/adequação.

Além de todo contexto externo envolvido (levanta a mão aí quem já perdeu uma noite de sono por conta de toda a insegurança/incerteza que essa doença trouxe 🙋‍♀️🤷‍♀️) nos deparamos com o desafio de estabelecer uma rotina para dar conta de home office, tarefas de casa, refeições, cuidados com as crianças, distrações para as crianças, cuidar da saúde e manter a sanidade mental nesse momento, tudo de uma vez ao mesmo tempo, rsrs.

Mas se formos pensar, aconteceu como acontece a maioria das coisas da vida: independentemente dos nossos planos. Não é mesmo? E agora estamos aqui nos adaptando e buscando lidar da melhor forma que podemos.

Mas nem tudo é só negativo nesse cenário, afinal tem pessoas que não podem ficar em casa e estão na linha de frente se expondo a essa doença todos os dias. Então temos que agradecer a possibilidade de ficar em casa e lidar com desafios que não colocam em risco a nossa vida nem dos que moram conosco.

E o objetivo desse post é trazer algumas ideias de como amenizar esse momento e tirar algum proveito dessa situação para, se der, aprimorar a gestão do seu tempo.

Primeira coisa é se acolher e parar com a cobranças de dar conta de tudo. Não tem como dar conta de TUDO, aceita qur dói menos, rsrs. Esquece essas frases de efeito dizendo que você tem que fazer curso, ler livro, montar um negócio, reformar sua casa, arrumar todos os armários, fazer todas as atividades lúdicas da internet com as crianças e ainda fazer exercício físico e ficar em forma. O dia não passou a ter mais de 24h só por que você não está se deslocando pro trabalho e outros locais.
Então, tenha complacência com você e faça o que for POSSÍVEL e VIÁVEL.

Mantenha uma rotina mínima viável para o seu dia-a-dia. Estabeleça horário de acordar e dormir, horário para trabalhar e para cuidar da casa. Mantendo, claro, a flexibilidade para fazer concessões que se façam necessárias.

Faça alguma atividade que te dê prazer todo dia, nem que seja por alguns poucos minutos. Seja ouvir uma música, passar um creme, comer com calma, falar com alguém ao telefone, ficar um tempo com as crianças, ver algo na tv ou nas redes sociais, meditar, fazer uma prece, o que for que te dê alegria. Faça diariamente algo que te nutra de felicidade. E não precisa ser a mesma coisa todos os dias.

Mantenha sua agenda de trabalho sob controle. Não deixe o trabalho acumular, nem aceite mais demanda do que a sua atual realidade lhe permite realizar. A dinâmica atual já é pressão suficiente não adicione mais componentes para te pressionar e estressar.

Aproveite para experimentar novas formas de organizar o seu tempo e sua rotina.
Sabe aqueles check lists todos que você vê no Pinterest e nunca conseguiu testar? aproveita agora!
Use um aplicativo novo de gestão do tempo para te ajudar a manter o trabalho em dia, incluindo as reuniões e projetos em equipe.
Experimente fazer divisão das tarefas de casa ou ensinar as crianças a ajudarem a cuidar da organização do dia-a-dia. Na medida do possível avalie o que mais funcionou e implemente na sua vida.

Seja o mais realista possível com as pessoas a sua volta. Fale a verdade com a sua família sobre o seu trabalho, fale a verdade com seu gestor sobre a realidade na sua casa. Fale a verdade com você mesma e admita quando não estiver dando conta, peça ajuda ou diga hoje não dá.

E sigamos firmes mantendo o otimismo e a fé de que dias melhores virão em breve.

Tem tem feito algo aí que está ajudando a amenizar essa fase? Conta aqui nos comentários. Pode ser a dica que alguém está precisando.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s